As 6 maiores dúvidas sobre o ar condicionado veicular

O ar condicionado do seu veículo é fruto de muitos mitos. Por isso, vamos tirar as maiores dúvidas sobre os refrigeradores de carros

O ar-condicionado causa mais consumo de combustível?
Verdade. Mas isso não quer dizer que o consumo será abusivo, normalmente a taxa varia de 10% a 15%, e isso é independente do fato de ser gasolina comum, álcool ou diesel.
Ar ligado gasta o gás do sistema?
Mito. Isso não precisa ser uma preocupação. Além disso, não há necessidade de ser completado ou reposto, só haverá vazamento quando ele estiver com defeito.
Outro detalhe: o gás não fica velho e nem vicia. Se tudo estiver certinho, ele pode durar toda a vida útil do automóvel.

Há algum problema em dar partida no carro com o ar já ligado?
Mito. Atualmente esse tipo de sistema é independente, ou seja, não interfere no funcionamento das outras partes do carro.

Quanto menor a ventilação, mais refrigeração?
Verdade. Isso porque o vento precisa de mais tempo para passar pelo condensador, e consequentemente, ficará mais gelado. Por isso, quando você entrar o carro que está quente por conta da exposição no sol, não há necessidade de ligar o ar no máximo.

Precisa desligar o ar para conseguir mais potência no carro?
Mito. Antes de fazer uma ladeira ou alguma ultrapassagem, é bem comum ver que o motorista desliga o ar condicionado para o carro ganhar mais força, no entanto, isso não tem necessidade, já que o veículo contém um mecanismo que corta a ventilação quando há necessidade de mais potência.

O refrigerador precisa ser ligado regularmente?
Verdade. É recomendável ligar pelo menos uma vez na semana, para garantir a lubrificação do sistema e evitar o ressecamento das peças.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

sete + 20 =